2011 – Preferiria Não

O espetáculo de Denise Stoklos “PREFERIRIA NÃO?” tem a base no texto de Herman Melville, “Bartleby, o escriturário, de 1853. A dramaturgia que transformou o livro em teatro foi desenvolvida dentro da estrutura da “fita de Möbius”, sob o enunciado que a parte de fora e a parte de dentro são contínuas. A estrutura da [...]

2007 – Denise Stoklos em Teatro para Crianças

Aqui, uma inauguração notável: pela primeira vez em trinta e nove anos de experiência profissional ininterrupta, a atriz/autora/diretora adentra o território cênico infantil. Trata-se de uma espécie de “tradução” de parte de seu repertório sobre o próprio meio, o teatro, à linguagem infantil. Para a experiência, cercou-se de jovens começando por Thais Stoklos, sua filha, [...]

2004 – Olhos Recém-Nascidos

Em novembro, impulsionada pela morte de meu pai, eu havia começado a escrever um texto sobre morte e vida, fins e recomeços. Pensei que, desafiando-me desta vez, mínimos deveriam ser meus movimentos e máxima a tentativa emocional com o público, como eu sempre quis, só que desta vez desprezando qualquer efeito de movimentação, baseada tão [...]

2001 – Calendário da Pedra

A estrutura do texto vem originária de um poema de Gertrude Stein chamado ” Book of Anniversary ” e mostra – por meio de um aparente diário anual – pensamentos, emoções, ações próprias relativas mais ao interior do personagem que ao tempo cronológico. Aparecem através do desenrolar do tempo questões não qualificadamente mais ou menos [...]

1999 – Vozes Dissonantes

O espetáculo aborda expressões de filósofos, estetas, políticos, poetas, de figuras como Padre Antônio Vieira se manifestando contra a escravatura, passando por análise do papel de Tiradentes, manifestações de José Bonifácio, idéias de Milton Santos e outros que nos inspiram com sua coragem autoral a criação de novos rumos para uma sociedade ainda tão jovem [...]

1997 – Desobediência Civil

Este espetáculo solo estreou mundialmente em outubro de 1997, em Irati, Paraná. Transcorre nos minutos que antecedem a meia-noite do ano 2000, quando então os pensamentos de Henry David Thoreau – escritor e filósofo revolucionário americano, inspirador de Gandhi e Luther King – se tornam o último discurso do milênio. Através de vigoroso trabalho corporal [...]

1996 – Mais pesado do que o ar

O inventor brasileiro Santos-Dumont impressiona a quem quer que tome conhecimento de seus feitos e de tudo que envolve sua figura. Primeiro homem a criar, realizar e finalmente experimentar um aparelho mais pesado que o ar, que voasse sem propulsão externa. Foi além disso autor de muitas idéias especialmente originais que, ele mesmo, aplicava de [...]

1995 – Elogio

Esta montagem não é um estudo sobre o escritor argentino, nossa área nãoé a literatura. Antes, uma carinhosa homenagem, modesta e frevorosa mas sem dúvida aquém dos méritos imortais do poeta, onde só nossa expressão de afeto, sentimento tão prezado po ele, nos garante o risco de tal audaz intento. [...]